Follow by Email

sábado, 5 de janeiro de 2013

Protestos, Protestos, Protestos...

Tenho lindo tantos protestos contra a posse de Genuíno como Deputado Federal e acho que é um direito de cada um de nós expressar sua indignação.

Parece piada, mas infelizmente não é.

Mas o que me chama mais atenção é que Genuíno somente tomou posse porque nós, o povo, o elegeu. Nós o colocamos lá.

O que tem que mudar então não é a gente apenas reclamar do leite derramado. É assumirmos uma posição mais responsável na hora de eleger nossos representantes e isso, ainda, fazemos muito mal.

E honestamente, na minha opinião, se nenhum candidato mostrar competência pra ter meu voto, não terá mesmo. Não me sinto obrigada a eleger um " menos pior", como muito já ouvi por ai, porque pra mim isso é balela. Ou é bom ou não é.

Precisamos cobrar mais  investimentos em educação, saúde, cidades mais estruturadas. Não bater palminha pra uma rua que foi asfaltada enquanto milhares estão com esgoto a céu aberto.

Parar de nos iludir que bolsa isso e bolsa aquilo vai garantir algum retorno futuro para que estes beneficiários saiam da pobreza. A pobreza não é apenas de recurso financeiro, mas de educação, discernimento, opnião...Não digo que hoje, na situação em que se encontram, as pessoas não precisem de auxílio pra comer, precisam sim, porque tem mesmo muita gente passando fome.
Mas já vi muito artesão que não quer trabalhar porque tem medo de perder o benefício. Que benefício é esse me pergunto?

Acredito que este benefício deveria vir com cursos que preparassem a pessoa, durante um tempo, para conseguir um trabalho, e o benefício tivesse tempo de duração enquanto se preparam. Por outro lado o governo, aliado a empresas, organizações diversas, fizesse um esforço pra conseguir uma colocação para estas pessoas no mercado de trabalho e que promovesse mais oportunidades e condições para estas pessoas avançarem nos estudos e qualificação. Mas não é assim e vamos nó,s pagando a conta que nunca deixará de existir, vendo a lista dos excluídos só aumentando e a gente chorando pelo leite derramado. Ai, já é tarde.


Abraços,
Fabiana

Nenhum comentário:

Postar um comentário