Follow by Email

domingo, 29 de janeiro de 2012

ISSO PRA MIM É VIVER!

Conheci D. Clarinda.
Tenho conhecido muitas mulheres que são exemplo de força, determinação, humildade.

D. Clarinda trabalha num dos grupos que apoiamos desde 2003, mas eu não tinha tido oportunidade de conversar com ela. Este grupo tem hoje cerca de 100 mulheres e agora que tenho podido estar mais perto e conhecê-las.

Um dias desses eu andava desestimulada. Normal em qualquer trabalho. Os problemas consumiam meu tempo, minha mente e com isso minha energia se perdia.

Eu sempre me senti privilegiada por fazer o que faço: Gerar oportunidades reais das pessoas saírem da pobreza, miséria e poder viver com mais dignidade.

Sempre também tive certeza de que Deus me preparou toda a vida para fazer isso. Meus dons, recursos, formação. É tudo claro pra mim.


Porque então  do desânimo? E pior ainda, porque a falta de sentido naquilo tudo?

Eu precisava fazer alguma coisa pra renovar o sentido de tudo aquilo. A gente precisa parar e respirar às vezes. A gente precisa se permitir questionar mas ao tempo fazer algo pra não perder o caminho que viemos traçando com convicção durante toda a nossa vida.

Peguei minha máquina fotográfica e fui estar com as artesãs deste grupo.
Eis então que vejo D. Clarinda sentadinha num canto, terminando seu trabalho.

Eu :  D. Clarinda, posso falar com a Senhora?
D. Clarinda : Claro minha filha!

Eu: A Senhora se importa de contar um pouco de sua história pra mim? Como a Senhora começou a trabalhar aqui na associação?

D. Clarinda: Ah! Eu trabalho aqui desde 2003. Mas sabe de uma coisa? Em 2004 eu tive que parar porque tive câncer, então em 2004 e 2005 fiquei em tratamento.

Eu: É mesmo? puxa vida, nem parece! A senhora é tão alegre. Quantos anos a Senhora tem?

D. Clarinda: 63! Graças a Deus.

Eu: Me conta mais. A Senhora trabalhava antes de estar aqui na Associação?

D. Clarinda: Eu trabalhava aqui e para uma loja costurando ( ela se emociona e começa a chorar). Quando adoeci a proprietária da loja me chamou e disse que estava me demitindo porque não queria uma "pessoa doente" ali. (ela segurou o choro e começou a sorrir).
Mas sabe de uma coisa minha filha? Eu estou curada desta doença então eu estou feliz. Tenho muito a agradecer a Deus.
Estar aqui na associação é mais que dinheiro pra mim. Enquanto eu trabalho eu não penso que esta doença pode um dia voltar. Eu tinha insônia e agora eu tenho trabalho suficiente pra fazer durante o dia e durmo à noite toda. Isto é uma terapia pra mim. Eu sou feliz!
Meu sonho pra 2012 é apenas saúde, ter comida em casa e nunca perder este trabalho.



O sentido do que eu faço voltou tão forte pra mim e de novo eu olhei pra Deus e agradeci o privilégio que ele me dá todos os dias de fazer meu melhor para inúmeras D. Clarindas que Ele tem desejado abençoar.
Isso pra mim é viver!










D. Clarinda

2 comentários:

  1. poxa este eu aina não tnha lido e muitas situações as vezes de tristezas outras de alegria mais e muito lindo agente ve e ter a oportunidade de estar perto de pessoas assim pra frente que não se deixa abater pelas circunstancias da vida e te desejo FABIANA o melhor desta vida e que vc comtinui assim sendo esta pessoa abençoadora para tantas pessoas inclusive eu bjs.

    ResponderExcluir
  2. Ana, tu também é uma guerreira como D. Clarinha! Quer contar tua história pra mim? kkkk

    ResponderExcluir